segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Como tirar o PPS Number?

Muita gente vem me perguntando quais são os passos para poder emitir esse tal de PPS Number. Mas, para começar, vou explicar qual a função dele na sua jornada aqui em Dublin.
Pois, bem. Quando você chega aqui na Irlanda, umas das primeiras coisas a se fazer é solicitar esse PPS (Personal Public Service), que é mais parecido com o nosso CPF do Brasil. A função dele é a de confirmar que você está apto a trabalhar registrado na Ilha Esmeralda, ser atendido nas repartições públicas e para várias outras coisas. Ele é uma sequência de sete números seguido por uma ou duas letras. Veja mais aqui

Para solicitá-lo, é muito simples:
#1 - Você precisa de uma PPS Letter com o seu endereço fixo emitida pela sua escola e também do seu passaporte. Caso ainda não tenha um endereço fixo, pegue o endereço de um amigo ou de alguém confiável que já  mora aqui em Dublin, porque eles enviarão o número do seu PPS através de uma carta.

#2 - Vá até ao Social Welfare Office que fica nesse endereço aqui, entre na fila e aguarde ser chamado por um cara que fica num balcão, lá na frente. Na sua vez, entregue o seu passaporte e sua carta da escola. O cara te dará uma senha e um formulário que você vai preencher com as suas informações pessoais. Lembre-se de colocar o endereço corretamente, porque eu não coloquei o nome do meu prédio e deu muita dor de cabeça.

#3 - Quando for chamado pelo número da sua senha, dirija-se até o número da cabine que anunciou a sua senha e sente-se. Entregue o formulário preenchido, seu passaporte e a carta da escola. O atendente irá fazer umas perguntas básicas, vai tirar uma foto sua através de uma webcam e também irá te entregar um protocolo e o prazo para que o PPS chegue no endereço que você passou. Isso leva em torno de uns 10 dias.

FEITO! Agora é só esperar chegar. Um boa dica para quem não gosta de esperar é acordar cedo e ir. Nem pense em ir na hora do almoço porque fica muito lotado e você passa a tarde toda lá. Vale muito a pena acordar cedo e ir lá. Pelo menos você fica livre o resto do dia e aproveita bem mais.

Caso tenham dúvidas, comentem aí que eu respondo pra vocês. :)
Obrigado, galera!

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Adiantando coisas (PPS, Student Card, Bank Account, GNIB e Acomodação)

Está para chegar em Dublin? Já chegou? Quer adiantar algumas coisas? Eu vou te ajudar um pouquinho, então. Eu também não sei muita coisa (amanhã, dia 02/02, vai fazer uma semana que estou aqui) mas já vou falando algumas coisas que fiz para adiantar e facilitar a correria. Não que eu seja muito apressado, mas é porque eu necessitava resolver isso tudo o quanto antes, pois eu só comprei uma semana de acomodação estudantil. Quem está na mesma que eu, dá uma lida aí.

Pois, bem... A primeira coisa que eu fiz ao chegar na minha acomodação, em Dublin, foi conhecer o bairro onde eu estava hospedado. SIM! Conhecer, andar, bisbilhotar... É muito bom saber onde você está, quem são as pessoas que vivem alí por perto e também se existem lojas comerciais para comprar alguma coisa que você necessite, como comida, por exemplo. No meu caso, estou hospedado em Hampton Wood e aqui por perto só tem uma conveniência chamada Centra e que, por sinal, o bairro em que estou (mais conhecido por Dublin 11) é muito longe do centro da cidade (mais ou menos um 35 minutos de ônibus).

Transportes aqui em Dublin são caros! Os ônibus, por exemplo, não possuem taxas fixas. Se você for pagar (com moedas, somente), você precisa dizer ao motorista para onde está indo que ele irá te falar quanto fica. Daqui de Hampton Wood (D11) até a O'Connel Street (D1), a passagem sai por € 2,60, mas existem lugares que a passagem pode chegar a € 3,80. Para não ficar gastando dinheiro para poder ter moedas, fica mais fácil para nós - estudantes - comprar o cartão do Dublin Bus, que tem descontos para estudantes. Em um outro post irei falar mais sobre isso. Só adianto que você não pode usar sem tirar o seu Student Card, senão irá pagar uma multa cara! :(

Depois de conhecer o bairro, procure a sua escola! A maioria da galera que vem pra estudar 6 meses ou mais, faz a prova em um determinado dia da semana (a minha foi na sexta-feira, mas depende da escola) e fica com os outros dias vagos. Eu queria muito resolver minha papelada então já entrei em contato com a escola para poder liberar alguns documentos que eu precisaria para fazer o PPS (Personal Public Service), Student Card, abrir conta no banco e pegar o GNIB (Garda Nation Immigration Bureau). No mesmo dia ou, no máximo, no dia seguinte eles já te entregam todas as cartas que você precisa.

Adiantando... Aqui também existem filas. E longas, por sinal.

Com as cartas em mãos juntamente com seu passaporte, vá direto ao Social Welfare Office. Que que é isso, Jesus? É o escritório que você vai ter que ir para tirar o seu PPS Number (a localização dele está AQUI). 

Depois disso, não perca tempo e vá rapidamente à Trinity College (sempre levando as cartas e passaporte) para fazer a sua carteirinha de estudante (Student Card). A carteirinha fica pronta na hora com uma foto sua! Por isso, vá bem-vestido. É fantástico!

O próximo passo é abrir a conta no banco para poder depositar seu precioso dinheiro. Cada escola tem sua parceria com determinado banco. Então, não é todo mundo que vai abrir conta no mesmo banco. Eu nem sei ainda quantos bancos existem aqui em Dublin, só conheço o AIB (Allied Irish Banks) e o Bank Of Ireland. Informe-se na sua escola em qual banco você deve abrir a sua conta. Essa parte eu ainda não fiz, porque não deu tempo. Os bancos ficam abertos das 10h até às 16h, de segunda à sexta. Nas quintas-feiras, eles trabalham até às 17h.

E, por fim, você deve ir ao escritório da imigração, que fica em Dublin 2, levando os seus documentos juntamente do extrato bancário, comprovando que você tem os benditos € 3.000,00.

No meio de tudo isso, eu tô tendo que achar tempo para procurar acomodação. E quando eu acho alguma, tenho que ir lá na casa fazer uma visita, que mais parece uma "entrevista de emprego", só que um pouco mais difícil hahahahaha. Achar acomodação aqui não tá nada fácil :(

Mas, é isso aí! Eu vou comentar detalhadamente cada passo em outro post, senão esse aqui vai ficar enorme! Qualquer dúvida, comentem aí em baixo que eu respondo (se eu souber). hahahaha. Um abração a todos vocês e muito obrigado pela visita. Fiquem com Deus! :)

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Embarcando no Brasil e desembarcando na Irlanda

Bom, galera! Já estou aqui em Dublin, graças a Deus e estou curtindo demais (quando digo curtir, digo: curtindo lugares, centro da cidade, clima, refeições e tudo). A cidade é linda - tanto por arquitetura, quanto por natureza. É difícil descrever realmente como ela é. Só estando aqui mesmo. Mas comentaremos mais sobre isso em outro post. 

Pois, bem! Neste post irei explicar como embarcar para a Irlanda (desde quando você chega no aeroporto) até chegar na sua futura casa, em Dublin.

NO AEROPORTO
Com minha namorada, no aeroporto
- Primeiramente tente chegar, no mínimo, umas 3 horas de antecedência do horário do seu vôo. É bom para evitar correrias, pois sempre acontece de lembrar de alguma coisa de última hora.
- Caso esteja trazendo seu dinheiro em espécie, verifique se o valor total ultrapassa R$ 10.000,00 (mesmo se for em euros, verifique a cotação do dia). Se ultrapassar, você tem que entrar nesse link AQUI, e fazer uma declaração para a Receita Federal. Caso você não faça a declaração, você corre o risco de perder esse valor se algum fiscal do aeroporto pedir a declaração. Ache um balcão de informações e pergunte onde ir. A declaração é feita online e é grátis! Você só tem que imprimir e levar numa salinha lá no aeroporto mesmo. DICA: Não deixe para imprimir no aeroporto, é um absurdo de caro!
- Vá diretamente ao balcão da sua companhia aérea para realizar o check in e despachar suas malas (para evitar filas). Lembre-se que você pode levar 2 malas de, no máximo, 32kg. Aconselho não trazer tudo isso. Aqui a facilidade de comprar roupas é muito grande. Uma mala é o suficiente. 
- Ainda no check in, verifique se você precisará fazer o check in novamente no país que você fizer escala e se terá que pegar a sua mala também. Geralmente eles já fazem o check in automático e você não precisa pegar as malas... Mas informe-se.
- Geralmente o embarque é feito 1 hora antes do avião decolar. Tente embarcar assim que der o horário de embarque, porque você terá que passar pela emigração para apresentar seu passaporte e costuma ter uma fila IMENSA! 
- A emigração é tranquila, eles não perguntam nada. Sem segredos. 
- Depois da emigração, você passará por uma salinha que verificará o que você tem na sua bagagem de mão. Não é permitido líquidos na bagagem de mão (na verdade, você pode levar um certa quantidade, mas bem pequena... não sei ao certo). Se você tiver uma quantidade que ultrapasse o limite, os fiscais irão pedir para que você retire e descarte.
- Esteja com o passaporte e com o cartão de embarque em mãos para apresentá-lo no portão de embarque. O funcionário da companhia aérea irá verificar a passagem, falar qual é o seu assento e desejar boa viagem.
- Ache o seu lugar na aeronave e boa! Durma bastante! rs.

FAZENDO ESCALAS/CONEXÕES
Escala em Amsterdã, na Holanda
- Não existe vôo direto para Dublin (não que eu saiba).
- Você só precisa saber qual é o número do portão de embarque (que em Inglês é chamado de GATE). Sabendo o número, siga o fluxo de pessoas que saem do seu vôo e procure o seu portão. 
- Você irá fazer os mesmos procedimentos que fez ao embarcar no Brasil, só não passará pela imigração (imigração agora é só quando chegar na Irlanda).
- Lembre-se de ficar com o passaporte e o cartão de embarque em mãos.
- Sempre atento aos horários.

CHEGANDO NO AEROPORTO DE DUBLIN
Chegando na Irlanda
- Ao chegar no aeroporto, vá seguindo as pessoas e olhando as placas. Quando encontrar uma placa escrito NON-EUROPEAN você vai naquela direção, pois é alí que os Brasileiros e todas as outras pessoas não europeias devem ir. Essa é a fila para passar na imigração.
- Se você é estudante, precisa estar com carta da escola, carta da acomodação, com os três mil euros (caso fique na Irlanda acima de 6 meses) e seu passaporte. Aguarde sua vez sem conversar com ninguém. Fique numa boa com você mesmo.
- Na sua vez, siga em direção à cabine e entregue somente o seu passaporte. Não fale nada. Só responda o que ele perguntar. Se não souber falar Inglês, pelo menos decore a frase: I am sorry, I do not speak English. Preste atenção no que ele fala porque ele irá pedir uma tal de LETTER, que são as cartas da escola e da acomodação. Só entregue-as quando ele pedir, ok?
- Pode ser que ele pergunte o que você veio fazer na Irlanda e quanto tempo pretende ficar. Se souber responder, responda: I'm here to study English language. Só isso. É super tranquilo! Não se apavore porque você não está fazendo nada de errado. Está?
- Ao sair da cabine, vá na esteira que está marcado na tela o número do seu vôo e pegue as suas malas.
- PRONTO! Procure pela saída (exit →) e lá você encontrará o seu transfer ou a pessoa que irá te buscar.

Simples assim. Não tem dificuldade alguma. É só fazer o que te pedem.

Se alguém tiver mais alguma dúvida em relação a isso, por favor, escrevam nos comentários que eu respondo. E se eu esqueci de algo, me escrevam também, ok?

LEMBRANDO que escrevi o que aconteceu comigo. Não sei se foi assim com todas as pessoas. Mas isso é uma base bem certa. Não há segredos. Venha com fé! 

No próximo post, irei dar algumas dicas de algumas coisinhas aqui em Dublin que já aprendi! hahahaha
Um beijo, galera. Fiquem com Deus!


sábado, 25 de janeiro de 2014

CHEGOU O DIA!

É isso aí! Chegou o dia mais esperado da minha vida. Jajá estarei embarcando para Dublin e, por incrível que pareça, não estou ansioso. Isso mesmo, eu estou bem tranquilo quanto a isso. Só estava um pouco preocupado por conta dos benditos euros. Consegui de última hora mesmo (hoje, pra ser mais exato). Mas já deu tudo certo, graças a Deus! :)

Assim que eu chegar lá, tento postar alguma coisinha aqui para vocês lerem e saber como é que eu estarei me virando na Ilha Esmeralda. Torçam e orem por mim... Preciso encontrar um emprego muito rápido porque sou pobre e não estou derramando dinheiro! hahahaha.. 

Hoje o post é curto, era só para compartilhar com vocês a minha felicidade.
Um beijo! Fiquem com Deus e aguardem por notícias!

See ya!

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Countdown + Euro Elevado = Preocupação

Já faz um tempinho que não posto nada por aqui pelo fato de estar na correria atrás das coisas que preciso levar para a viagem: cópias das documentações, checar se tá tudo certo, decidir o que levar e o que não levar na mala, se despedir dos parentes, ouvir críticas e incentivos... Mesmo durante todo esse tempo de pesquisa e preparação, muita gente ainda é contra a minha opinião. Mas é normal e entendo o lado dessas pessoas. Essa vida de futuro intercambista não é nada fácil.

Hoje faltam exatamente NOVE dias para eu poder embarcar para a famosa e tão esperada Ilha Esmeralda e estou me surpreendendo a cada dia. Eu costumava ser muito ansioso para tudo: primeiro dia de aula na escola, campeonatos de karatê, chegada das férias, viagens e tudo mais. Eu estou MUITO tranquilo em relação à ansiedade. Acho que estou mais preocupado que ansioso. 

Eu ainda não tenho a famosa quantia de € 3.000,00. Por quê? O Euro está caro DEMAIS! Desde Agosto de 2013 ele não para de subir. Para ajudar, o governo decidiu aumentar a taxa do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) de 0,38% para 6,38% sobre os cartões pré-pagos (os famosos VTM - Visa Travel Money) e eu vou me ferrando a cada dia. Já comprei uma quantia com um amigo que mora em Portugal e, graças a Deus, ele me vendeu por R$ 2,95 cada Euro. Com essa brincadeira de ficar esperando o Euro baixar um milagre acontecer, eu já emagreci 3kg e ainda não tenho a grana.

Sinceramente ainda não sei o que fazer. Já entrei em contato com algumas pessoas do grupo Classificados Dublin, no Facebook, mas ainda nada certo. Vou ter que esperar até, no máximo, terça-feira, dia 21/01, para poder comprar de qualquer jeito.

Que Deus abençoe todos aqueles que passam pela mesma situação que a minha ou até mesmo pior. Eu acredito Nele e sei que Ele está cuidando dos meus planos. Vamos agir!

Um abraço, galera. Fiquem com Deus.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Tá chegando... Mas, e aí?

Hoje, dia 25/11/2013, faltam exatamente 61 dias para o meu embarque para a tão famosa Ilha Esmeralda. E o que passa na minha cabeça? Muitas coisas... boas e também ruins. Pra quem quiser acompanhar/comparar os meus pensamentos, continuem lendo a postagem.

Como já disse em alguma outra postagem, eu decidi que queria fazer intercâmbio logo quando finalizei o Ensino Fundamental (8ª série), só que nunca deu certo pois não tinha um nível legal de inglês e muito menos grana para bancar. Pois bem, hoje (graças a Deus) estou prestes a realizar este sonho.

SIM! Acredito que, como muitos de vocês, eu também estou muito animado para o meu intercâmbio e tentando controlar minha ansiedade porque dizem que alegria de pobre dura pouco, por isso, não quero criar muitas expectativas. Estou sonhando em como será o meu dia-a-dia, minha rotina, minha escola, minha sala de aula, meus amigos de sala e também com os meus futuros flatmates/roommates. Penso no meu futuro job, pois espero conseguir o mais rápido possível para economizar grana. E o meu nível linguístico? Será que vou dar conta? Estou até pensando em como vou me virar pra não passar frio, pois fiquei sabendo que o inverno de 2013/2014 será o mais gelado dos últimos 100 anos. Então, boa sorte pra mim. hahahaha

Apesar de todas as coisas boas, também penso no lado negativo da situação. InFelizmente sou muito apegado nas pessoas, nas coisas... em tudo. Isso me prejudica demais. Quanto mais se aproxima a data, mais eu encano nos meus pensamentos, nas coisas que estou fazendo e também nas coisas que não estou fazendo. Não sei como minha mãe e meu pai vão ficar, minha irmã está prestes a se casar e eu só voltarei um pouco antes do casamento dela, minha família, minha namorada (que vou ficar quase 6 meses longe), meus amigos... Tudo! Muita gente acha que tá sendo muito fácil pra mim, mas não imaginam nem a metade do que eu tô sentido. A mistura de sentimentos e sensações é muito grande. Ao mesmo tempo que estou feliz e animado, me sinto triste e culpado.

Li uma postagem no facebook, que me chamou muito a atenção. Para aproveitarmos o nosso intercâmbio, temos que VIVER o intercâmbio e esquecer o resto. Esse "esquecer" não significa que nunca mais vamos ligar para os parentes, namorada(o), amigos... CLARO QUE NÃO! Eu também não conseguiria... Mas temos que nos esforçar para desfrutar o máximo dessa nossa aventura. Aprender a língua, conhecer lugares, entender a história, viver novos hábitos e novas culturas.

Não sei se vai ser bem assim... Vou contando a minha experiência por aqui. 
A sua situação é parecida com a minha? Deixe um comentário! ;)

domingo, 3 de novembro de 2013

Comprando a passagem aérea

Bom, galera... Primeiramente peço desculpas por não ter atualizado meu blog. Eu realmente não tinha noção da quantidade de pessoas que leem essa página aqui e elas estão me cobrando para eu atualizar. So, here I go!

Na sexta-feira passada (dia 25/10), consegui comprar a minha tão esperada passagem aérea! E, o melhor de tudo... SUPER barata, graças a Deus! Vou ensinar uma coisinha que foi MUITO útil para realizar a minha compra.


Como sempre, eu pesquisei muito (mesmo) em vários sites de vendas de passagens aéreas para ter uma base de preços. Até que encontrei o site SkyScanner e foi o que eu mais gostei. Esse site nos traz muitas informações sobre vários voos. É como se fosse um site unindo várias empresas aéreas num lugar só. Então é muito válido se inscrever no site. Feita a inscrição no site, o próximo passo é procurar o seu voo. No meu caso, coloquei de São Paulo (GRU) até Dublin (DUB), selecionei a data de embarque e uma data qualquer de retorno (já que não é possível comprar a passagem de volta com um intervalo de tempo de um ano) - selecionei Janeiro/Abril, e clique em Buscar. Na próxima página, o site irá fornecer muitas informações de vários voo, falando a duração de cada um, as escalas e o mais importante de tudo, os preços. Eu selecionei um voo da empresa KLM que faz apenas uma escala em Amsterdam, na Holanda, e tem 14h20 de duração (alguns chegam a 33h). 

Uma coisa que aprendi com os meus pais foi: ESPERAR! Esperar o que? Esperar o tempo certo! Mas como vou saber que é o tempo certo? PESQUISE! Desde março/abril estou pesquisando sobre isso e também relacionei os períodos de alta e baixa temporada na Europa, que é ao contrário daqui do Brasil. Como me cadastrei no SkyScanner, diariamente eu recebia informações sobre os voos que iam para Dublin e sempre recebia e-mails alertando sobre aumento e diminuição do preço das passagens. Para se ter uma ideia, de Julho/2013 até mais ou menos no comecinho de Outubro/2013, o preço das passagens estavam por volta de R$ 2.890,00. Ao receber um e-mail sobre redução de preço nas passagens, fui direto no site e paguei R$ 2.147,61. Uma diferença de quase R$ 750,00 que, por sinal, é uma grana muito boa para se guardar.

Para efetuar a compra, entrei diretamente no site da empresa que estava fornecendo este valor (KLM), fiz o cadastro e comprei as passagens. Não pensei duas vezes, pois este preço eu tinha a certeza que não iria encontrar de novo. 

E é isso aí! Estou muito contente com tudo o que está acontecendo. Já estou vivendo o meu intercâmbio. Já estou percebendo que todo o meu esforço não está sendo em vão... Está valendo a pena. Espero poder ter ajudado alguém. Muito obrigado! :)